Fim de semana com registro de seis mortes na região do cariri

Seis mortes foram registradas na região do cariri durante o fim de semana. Os óbitos são decorrentes de suspeita por espancamento, causa desconhecida, acidentes de trânsito e homicídios.

Em Juazeiro do Norte, na sexta-feira (29), no Hospital Regional do Cariri, o cabeleireiro Cícero Oliveira dos Santos, 42 anos, morreu cinco dias depois de ser encontrado agonizando em uma rua no bairro Timbaúbas. Naquele dia ele foi encontrado com vários hematomas semelhantes a espancamentos.

Já por volta das 19h50min, Alisson da Silva Aguiar, 25 anos, foi morto a tiros no interior de uma residência localizada na Rua Aracaju, bairro Pantanal, em Crato. A autoria, bem como a motivação, é desconhecida.

No domingo, por volta das 7 horas, o corpo do agricultor Raimundo João do Nascimento, 40 anos, foi encontrado com marcas de tiros próximo à escola do Sítio Brejinho, zona rural de Jardim. No local, ninguém soube informar a autoria do crime.

Antes, por volta das 6 horas, Adriano Gomes da Silva, 28 anos, foi encontrado morto no trecho da CE-375, no Sítio Limão, em Assaré. O cadáver de Adriano Gomes apresentava marcas de pneu na barriga, possivelmente ocasionadas por acidente de trânsito.

Na CE-386, que liga Farias Brito e Crato, a altura do Sítio Grajaú, no primeiro município, faleceu atropelado por volta das 20 horas o agricultor Raimundo Nonato Bezerra França, 48 anos. Segundo informações, ele seguia a pé pelo acostamento da rodovia quando foi colhido.

Por fim, às 23h45min, na Rua São Francisco, bairro São Miguel, em Juazeiro do Norte, uma mulher de 53 anos foi encontrada caída ao solo sem vida.  Segundo informações, a mesma teria sido atendida horas antes em uma clínica e, ao retornar para casa, passou mal, sofreu uma queda e faleceu.

0/Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem