Anvisa nega certificação de boas práticas para empresa que produz Covaxin, vacina contra Covid-19


Anvisa nega certificação de boas práticas de fabricação à Bharat Biotech, produtora da vacina Covaxin. - Foto: Dibyangshu Sarkar/AFP

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) não concedeu a certificação de boas práticas de fabricação à Bharat Biotech, empresa farmacêutica indiana que desenvolve a vacina Covaxin, contra a Covid-19. As informações são do portal G1.

A certificação é necessária para que o imunizante ganhe registro para uso emergencial ou definitivo no Brasil.

O Governo Federal já assinou contrato para a compra de 20 milhões de doses da Covaxin. No início de março, a Bharat Biotech divulgou que a vacina é 81% eficaz na prevenção da Covid-19.

TESTES NA ÍNDIA

A fase três dos estudos clínicos é realizada na Índia. Etapas anteriores indicaram que o fármaco é seguro e induz à produção de anticorpos.

O pedido da certificação para a Bharat foi feito pela Precisa Medicamentos, que pretende importar a Covaxin para o Brasil. A certificação de boas práticas é concedida apenas se o fabricante cumprir as normas de segurança e de qualidade estabelecidas pela Anvisa.

Outras farmacêuticas, entre elas as que produzem vacinas já utilizadas no Brasil, receberam a certificação, como a SinoVac, AstraZeneca, Pfizer e Janssen.

Diário do Nordeste

0/Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem