Ceará apresenta redução nos roubos e furtos de veículos durante o primeiro trimestre de 2021

Foto: Aline Freires

Redução de 27% nos roubos de veículos e de 34% nos furtos. Esse foi o balanço registrado no primeiro trimestre de 2021 no Ceará, de acordo com dados compilados pela Gerência de Estatística e Geoprocessamento (Geesp) da Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp). A maior retração trimestral foi nos furtos, com 34% de queda, indo de 1.330 casos para 873. Quando se trata dos roubos, a redução foi de 27%, indo de 2.802 para 2.058 no balanço de janeiro, fevereiro e março.

Já no balanço do terceiro mês de 2021, a retração nos furtos foi de 36%, indo de 407 para 261 casos em comparação a março de 2020. Nos roubos, a queda foi de 32%, indo de 1.080 para 730. Ao todo, a diferença é de 1.201 veículos subtraídos (roubados ou furtados) a menos quando comparados aos períodos trimestrais dos dois anos.

Os profissionais por trás dessa redução

Nos últimos anos, o Governo do Ceará investiu na criação e expansão de tecnologias, como o Sistema de Videomonitoramento, que atualmente detém mais de 3.300 câmeras espalhadas por todo o Estado, além da aplicação de inteligências artificiais a essa mesma ferramenta. Contudo, mais importante do que máquinas, está o trabalho humano. Por trás desses números estão milhares de homens e mulheres, alguns deles na Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Olhares atentos e toda a expertise policial em prática, assim se resume a atuação dessas equipes.

Um desses profissionais é o sargento da Polícia Militar do Ceará (PMCE), Daniel Fernandes, que trabalha há seis anos na Ciops. “Sabemos que a tecnologia é muito importante e vem nos auxiliando bastante nas capturas e nas resoluções de casos, inclusive flagrantes. Mas quando se trata do envolvimento de seres humanos, nós somos necessários para manusear a tecnologia. Por isso, nessa situação toda, a efetividade do agente é imprescindível”, disse.

Quase diariamente a Secretaria da Segurança Pública divulga ações bem-sucedidas conduzidas pelos profissionais das Forças de Segurança, seja na recuperação de carros roubados, nas capturas de suspeitos de roubos e furtos e principalmente na prevenção a crimes. A grande maioria ocorre sob as lentes das câmeras do sistema de videomonitoramento, quando policiais militares, que são orientados pelos profissionais da Ciops, efetivam as abordagens. “Após a informação de alguma suspeita, nós repassamos essas coordenadas para as viaturas que trabalharão com essas informações até realizarem a abordagem, com cautela. Com isso, muitas vezes, nós conseguimos efetuar prisões”, ressalta Daniel.

O coordenador da Ciops, coronel Aristóteles Coelho, relata que a simbiose entre seres humanos e a tecnologia junto com o fortalecimento do tirocínio policial resumem as estratégias da segurança pública do Ceará. “Eu credito a esses resultados uma parte à tecnologia, mas principalmente aos homens e mulheres que fazem o uso dessa tecnologia. E isso tudo começa por quê? Porque essas ferramentas foram baseadas em informações repassadas pelos policiais, como as melhores técnicas e melhores práticas. Por isso é importante sempre salientar: nós temos uma forte tecnologia aqui no Estado do Ceará, mas temos muitos homens e mulheres que a fazem fluir”, destacou.

SSPDS

0/Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem