Homem investigado como suspeito de matar mulher em casa lotérica, em Barbalha é preso por porte ilegal de arma fogo


Fotos: Redes sociais

Um homem investigado por homicídio e que já responde procedimentos policiais por tráfico de drogas foi preso na noite desta quarta-feira (27), ao ser flagrado pela polícia militar na posse de uma arma de fogo, em Barbalha. A prisão ocorreu durante patrulhamento preventivo, efetuada pelo policiamento do RAIO.

De acordo com o registro da ocorrência, por volta das 21 horas, Jesus Matheus Barros Queiroz, de 20 anos de idade foi abordado pela Equipe RAIO 06 IRSO na Avenida Luiz Gonzaga, Bairro Malvinas, em Barbalha e encontrado em poder dele, um revólver calibre 32 de fabricação Argentina. No momento da abordagem, Jesus ainda tentou empreender fuga, mas acabou preso e levado a presença da delegada de plantão na Delegacia Regional de Polícia Civil de Juazeiro do Norte, Dra. Francisca Suerda Bezerra Ulisses que determinou a autuação do suspeito em flagrante delito, por infração ao artigo 14 estatuto do desarmamento – natureza: Porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

SAIBA MAIS

A policia militar de Barbalha informou ao Site Caririceara, que Jesus Matheus já respondia inquéritos policiais por tráfico ilícito de drogas. Ainda segundo a PM, há relatos, sendo investigados, de que ele é suspeito da prática de um homicídio ocorrido na tarde do dia 05 de outubro de 2021, no interior de uma casa lotérica que funciona na esquina das ruas Gustavo Barroso e Zuca Sampaio, Bairro Santo Antonio, em Barbalha em que foi vítima, a suspeita de tráfico de drogas, Deriane Ribeiro da Silva, de 35 anos que morava no Bairro Bela Vista, naquela cidade. A mulher foi atingida com disparo na nuca morrendo no local por um homem que empreendeu fuga seguindo destino ignorado.

Fonte: Caririceara

0/Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem