Enem 2021: Ceará tem a maior abstenção do Nordeste no primeiro dia de provas


Foto: Thiago Gadelha/SVM

O Ceará teve a maior abstenção do Nordeste no primeiro dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021, tanto na versão impressa, com 28,8% de ausentes, quanto na versão digital, com 46% de faltosos. A prova foi realizada neste domingo (21).

Na taxa de abstenção do dia, o estado fica acima do percentual nacional de ausentes na prova presencial, de 25,5%. Já na prova digital, o Brasil teve 46,1% de abstenção. Entre as unidades da federação, o Amazonas se destaca com o maior número de desistências neste primeiro dia de prova, 40,6%, seguido por Roraima: 32,4%, considerado apenas a prova impressa.

Os dados foram divulgados pelo presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Danilo Dupas, horas após o encerramento do primeiro dia do Exame.

Entre os estados nordestinos, atrás do Ceará no índice de faltosos na versão impressa do Enem estão a Bahia (25,8%) e o Maranhão (25,5%), fechando os três primeiros lugares. Já na versão digital, Maranhão (44,9%) e Paraíba (44,6%) ocupam, respectivamente, o segundo e terceiro lugares de abstenção.

O Ceará teve 208.712 candidatos inscritos para o Enem 2021 -- este é o menor número dos últimos onze anos no estado. Destes, 206.385 escolheram fazer a versão impressa e 2.324 a versão digital.

Neste domingo, os candidatos responderam a 45 questões de linguagens; 45 questões de ciências humanas (que inclui história, geografia, filosofia, e sociologia); e a redação, que teve como tema "'Invisibilidade e registro civil: garantia de acesso à cidadania no Brasil".

No próximo domingo (28) serão terá 45 questões de matemática e 45 questões de ciências da natureza (biologia, física e química).

Fonte: G1 CE

0/Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem