Adagri inicia cadastramento de áreas produtoras de algodão


Foto: Joathan Magalhães

Com o início da estação chuvosa que se inicia na região do Cariri, os produtores de algodão estão plantando esta lavoura. Com isso, a Agência de Defesa Agropecuária do Ceará (Adagri), vinculada da Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Trabalho (Sedet), lembra que todos os produtores cearenses devem cadastrar suas unidades de produção até 30 (trinta) dias após o plantio. A medida é regulamentada pela Portaria n° 022/2020 da Adagri, e tem como objetivo a prevenção e o controle da praga bicudo-do-algodoeiro.

O cadastramento pode ser realizado de forma virtual, através do site da Adagri – www.adagri.ce.gov.br – ou através aplicativo Produtor Adagri. E também de forma presencial, em um dos Núcleos Locais da Adagri (NL) ou Escritório de Atendimento à Comunidade (EAC) da Agência nos municípios.

Os agentes de fiscalização agropecuária do Núcleo Local de Brejo Santo, realizaram o cadastramento de unidades de produção no município. “Além do cadastro, a Portaria também estabelece diversas medidas fitossanitárias como o monitoramento do bicudo e o seu controle, a destruição dos restos culturais da lavoura algodoeira e a formação do vazio sanitário. Com isso é possível minimizar a disseminação do bicudo na cultura e consequentemente a redução das perdas de produção”, explica o auditor fiscal agropecuário da Adagri, José de Oliveira.

ADAGRI

0/Comentários

Anterior Próxima
Portal Aurora Notícias
Portal Aurora Notícias