Fim de semana com registro de quatro homicídios, dois acidentes de trânsito e um achado de ossada humana na região do cariri

Foto: Reprodução

Sete mortes violentas foram registradas na região do cariri no período compreendido entre a noite da sexta-feira (21), e a noite deste domingo (23). Os óbitos são decorrentes de homicídios, acidentes de trânsito e achado de ossada humana.

Na sexta-feira, por volta das 22h30min, João Pedro Feitosa Massilon, 26 anos de idade, que respondia por crimes de roubo, foi executado a tiros numa residência da Rua Frei Ibiapina, próximo ao cruzamento com a Avenida José Bezerra, no bairro Pio XII, em Juazeiro do Norte.

Na manhã do sábado, por volta das 11h00min, o mecânico de motos, Josilanio da Silva Gonçalves, que era apelidado por “Lanim“, foi alvejado a tiros no interior da casa onde morava na Rua Luiz Freitas, bairro Triângulo, em Juazeiro do Norte. Ele ainda chegou a ser socorrido por populares e levado ao Hospital Regional do Cariri, mas não resistiu falecendo ao ainda no setor de emergência.

Ainda no sábado, em Juazeiro do Norte, por volta das 21h52min, na Rua Antônio Bernardino da Silva, no bairro Parque Frei Damião, foi assassinado o jovem João Bosco de Oliveira Almeida, de 21 anos, que em consulta realizada junto ao Sistema de Informações Policiais (SIP), constatou-se que o mesmo já tinha passagem policial por tráfico de drogas.

Antes, por volta das 21h30min, na Rua Dr. Raimundo Norões de Milfont, bairro Vila Alta, em Crato, José Natanael de Lima, 22 anos, foi morto com vários disparos de arma de fogo.

Já no início da tarde do domingo, no KM 516 da BR-116, na localidade do Sítio Boqueirão, zona rural de Brejo Santo, Cicero Januário Ferreira, de 56 anos, morreu numa colisão frontal entre o seu veículo Fiat modelo Uno Mille Way Economy, de cor prata, ano 2009, de placas NPU-4128, Inscrição de Brejo Santo, e um Caminhão Trator Volvo/FH 540 6X4T, de cor branca, ano 2018, de placas PLI-5921, Inscrição de Rodolfo Fernandes/RN, guiado pelo caminhoneiro, Adonias Duarte Sobrinho, 35 anos.

Pouco tempo depois, num matagal no Sítio Santa Teresa, próximo à divisa de Missão Velha com Barbalha, populares localizaram uma ossada humana.

Por fim, Hector Luiz Costa Fonseca, de 29 anos, morreu após perder o controle de sua motocicleta Honda 150 Fan, sem placa, da cor preta, na estrada que liga o Distrito de Arrojado à sede do município de Lavras da Mangabeira. Segundo informações, a vítima teria participado de uma bebedeira com amigos, no Sitio Patos e pegou o veículo e saiu do local quando acabou se acidentando, vindo a morrer.

0/Comentários

Anterior Próxima
Portal Aurora Notícias
Portal Aurora Notícias