Dez cidades do Ceará têm casos confirmados de varíola dos macacos; 60 pessoas diagnosticadas


Foto: Reprodução

Dez cidades do Ceará têm casos confirmados de monkeypox, somando 60 pessoas diagnosticadas com a doença no Estado, conforme a atualização desta segunda-feira (29) do "Painel de Monitoramento dos Casos de Monkeypox", na plataforma IntegraSUS.

A maior quantidade de casos foram diagnosticados na cidade de Fortaleza, com 46 pessoas com a varíola dos macacos. Em seguida aparecem os municípios de Caucaia, Maracanaú, Russas e Sobral, com dois casos em cada.

Cidades do Ceará com casos confirmados de varíola dos macacos

Fortaleza: 46
Caucaia: 2
Maracanaú: 2
Russas: 2
Sobral: 2
Barbalha: 1
Eusébio: 1
Itaitinga: 1
Jijoca de Jericoacoara: 1
Pacajus: 1

Entre os casos contabilizados no Estado também há o de um residente do Piuí que foi diagnosticado no Ceará.

Das pessoas diagnosticadas, 59 são homens, com destaque para a faixa etária de 30 a 39 anos, que teve 27 registros. Outros 20 pacientes são da faixa entre 20 a 29 anos e nove têm entre 40 e 49 anos. Há ainda duas pessoas diagnosticadas com idades entre 10 e 19 anos.

Os seis sintomas mais citados pelos pacientes foram: erupção cutânea, febre, adenomegalia, lesão genital/perianal, cefaleia e dor muscular.

1ª mulher diagnosticada no Estado

O Ceará confirmou a primeira mulher diagnosticada com a doença. A paciente é da zona rural do município de Russas e tem 36 anos.

Segundo a Secretaria Municipal da Saúde de Russas, a mulher deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no dia 8 de agosto, três dias após apresentar lesões características da doença, com relato de febre.

"Observado o quadro cínico sugestivo, a médica atendente realizou a notificação para Monkeypox à Secretaria Estadual de Saúde do Ceará (Sesa), prestando todas as orientações de isolamento conforme nota técnica vigente", disse a Secretaria.

O órgão informou que no mesmo dia foi coletado o material da paciente e enviado ao Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen). O resultado positivo foi confirmado no dia 26 agosto.

"A paciente já cumpriu o isolamento e não está mais transmitindo o vírus", informou a Secretaria da Saúde de Russas.

Fonte: G1 CE

0/Comentários

Anterior Próxima
Portal Aurora Notícias
Portal Aurora Notícias