Responsável por envio de remessas de drogas do Rio de Janeiro para o Nordeste é preso em ação da Polícia Civil


Foto: PCCE

Uma operação conjunta entre as Polícias Civis do Ceará (PC-CE) e do Rio de Janeiro (PCERJ), desenvolvida por equipes do Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas (NCTD) do Cariri e do Departamento de Inteligência Policial do Ceará e da Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE) do Rio de Janeiro, resultou na prisão de um homem apontado como o responsável pelo envio de remessas de drogas para o Ceará. O homem era alvo de investigações desenvolvidas pela PC-CE. A ofensiva foi realizada na última sexta-feira (21).

Ronaldo Pereira da Silva, de 31 anos, conhecido como “Alemão”, era o último foragido da “Operação Continuum” da Polícia Civil, que desarticulou uma organização criminosa responsável por enviar toneladas de drogas e armas para o Nordeste. Conforme as investigações, Ronaldo é um dos chefes de uma organização criminosa envolvida com tráfico de drogas e de armas, além de lavagem de dinheiro.

O homem é apontado ainda como um dos distribuidores de drogas da Região do Cariri cearense. Contra ele havia um mandado de prisão preventiva em aberto expedido pelo colegiado da Vara de Delitos de Organizações Criminosas do Ceará. O suspeito já possui passagens pelo crime de tráfico de drogas, em São Paulo.

O alvo foi localizado e capturado em Cabo Frio no Rio de Janeiro, após a troca de informações entre as Polícias Civis dos dois estados. Durante a ofensiva policial, o suspeito e sua esposa apresentaram documentos falsos. Na residência do alvo, os policiais apreenderam aparelhos celulares, documentos falsos e cadernos com anotações relacionadas ao tráfico de drogas, além de um carro de luxo.

Diante do flagrante, Ronaldo e a esposa foram conduzidos a uma unidade policial, onde foram autuados por associação para o tráfico de drogas, além de uso de documento falso e falsificação de documento público.

0/Comentários

Anterior Próxima
Portal Aurora Notícias
Portal Aurora Notícias