Fim de semana com registro de sete mortes violentas na região do cariri


Foto: Ilustração

Sete mortes violentas foram registradas na região do cariri durante o fim de semana. Foram quatro homicídios, uma execução decorrente de latrocínio, uma morte por suspeita de traumatismo craniano e outra em virtude de acidente de trânsito.

Na noite da sexta-feira (4), Luiz Carlos Nascimento da Silva, de 35 anos, foi executado com um disparo de arma de fogo cal. 12 na cabeça na localidade denominada de Carnaúba dos Pilé, em Missão Velha, onde residia. O suspeito do crime, Francisco Fransivaldo de Lima, de 33 anos, conhecido como “Pelé”, foi capturado pela Polícia Militar.

Em Juazeiro do Norte, na manhã do sábado (5), a aposentada Francisca Maria de Jesus, de 78 anos, foi vítima de crime de latrocínio. Ela foi encontrada morta e seminua, apresentando possíveis hematomas pelo corpo em sua residência na Rua Moacir Gondim Lóssio, Bairro Antônio Vieira. Da casa da vítima foi levado um aparelho de TV de 42 polegadas.

Horas depois, o paulista, Cícero Romão Batista, de 36 anos, foi assassinado por meio de espancamento na Praça do mercado central, na Rua Padre Emilio Cabral, em Assaré. O suspeito do crime identificado como Felipe Rodrigues Fernandes, de 30 anos, foi preso pela Polícia Militar e apresentado na Delegacia Regional de Polícia Civil de Crato para serem adotadas as medidas cabíveis.

Já por volta das 18 horas, Francisco Geanderson Vieira de Melo, de 21 anos, que não possuía antecedentes criminais, foi morto a tiros na Rua Projetada “B” do bairro Bulandeira, em Barbalha. Um inquérito foi aberto pela Polícia Civil para apurar o caso.

Ainda no sábado, no Hospital Santo Antônio de Barbalha, faleceu a jovem Geovanna Cardoso Andrade Esmeraldo Rodrigues, de 16 anos, por suspeita de traumatismo craniano. No último dia 31 de outubro, a adolescente caiu de um cavalo, sendo socorrida por familiares à unidade de saúde barbalhense, vindo a falecer dias depois.

Em Milagres, Emenias Ferreira Nunes, de 38 anos, que possuía passagens policiais por crimes de lesão corporal, injúria, furto, infração a lei de entorpecentes, violência domestica dentre outros delitos, foi morto a pauladas no final da tarde deste domingo (6), no Sítio Serrote. O cunhado da vítima, Francisco Gilmário Araújo Medeiros, de 35 anos, vulgo “Gilmário ou Nego”, foi detido suspeito da autoria do crime. De acordo com informações, a vítima teria sido assassinada por ter agredido a própria esposa que é irmã de “Gilmário ou Nego”.

Por fim, o mototaxista Everlandio Pereira de Souza, de 23 anos, faleceu em um dos leitos do Hospital Regional do Cariri, em Juazeiro do Norte, dias depois de perder o equilíbrio de sua motocicleta e cair na CE-292, à altura do Sítio Angico, em Nova Olinda.

0/Comentários

Anterior Próxima
Portal Aurora Notícias
Portal Aurora Notícias