Polícia Civil prende homem suspeito de tentativa de homicídio em Aurora

Foto e vídeo: Redes sociais

No início da manhã de hoje (14) a equipe da polícia civil de Aurora/Barro tomou conhecimento que na tarde de ontem tinha sido praticada uma tentativa de homicídio na localidade de Poço do Meio, Alto da Cruz, pela pessoa de Francisco Joedson Ferreira da Silva, natural de Aurora, 38 anos de idade, conhecido pela alcunha de "Joca", contra a pessoa de José Rafael, natural de Aurora, 33 anos de idade, conhecido como "Piloto", como ambos já eram de conhecimento da equipe de investigação, foram realizadas diligências pelas ruas de Aurora, e mesmo com uma equipe super reduzida, um dos inspetores que estava em campana no centro comercial, avistou a pessoa de "Joca" e efetuou a prisão do mesmo, recebendo apoio da viatura policial, onde o mesmo foi recolhido e conduzido à delegacia de polícia para a realização do procedimento flagracial.

Entenda o caso:

Na tarde de ontem (13) "Joca" teve uma discussão com a pessoa de "Piloto", e sem motivo justo e aparente, deu golpes com um tronco de madeira na cabeça do segundo, causando dois cortes profundos, sendo o mesmo levado para o Hospital Geral Ignez Andreazza, onde permanece internado até o fechamento dessa matéria, e conforme laudo pericial com risco de vida. O suspeito se evadiu de sua residência, sendo caçado inicialmente pela polícia militar, e no início do expediente de hoje, a equipe da polícia civil entrou em campo, localizou o mesmo e fez a sua prisão em flagrante, sendo o mesmo autuado por homicídio qualificado por motivo fútil, na modalidade tentada, sendo preso, ficando a disposição do poder judiciário.

Vale recordar que o código de processo penal brasileiro entende que a situação de flagrante do infrator permanece enquanto o mesmo estiver sendo caçado pela autoridade policial e seus agentes, enquanto persistir a perseguição, o infrator pego a qualquer momento será preso em situação de flagrante delito, flagrante impróprio.

A polícia civil precisa de sua ajuda, colabore, ajude, não deixe que a impunidade ou a criminalidade impere. Faça suas denúncias através do telefone 88 9 81012001, sua denúncia é totalmente anônima. Ou através do disque denúncia da SSPDS, pelo telefone 181 ou 85 3101 0181.

0/Comentários

Anterior Próxima
Portal Aurora Notícias
Portal Aurora Notícias