Cerca de 60 mil pacientes aguardam em fila para realizar cirurgias no Ceará


Foto: Thiago Gaspar

De acordo com uma estimativa da Secretaria Estadual da Saúde (Sesa), a fila de pacientes que estão aguardando para fazer procedimentos cirúrgicos no Ceará, é composta por cerca de 60 mil pessoas. A informação foi divulgada pela médica infectologista e titular da pasta, Tânia Mara Coelho, nesta segunda-feira (9). De acordo com a secretária, a Covid-19 e outros fatores contribuíram para o aumento da fila de pacientes.

Cirurgias eletivas, as que não são consideradas de urgência, haviam sido suspensas durante a pandemia de coronavírus no estado. Isso ocorreu por conta da sobrecarga das unidades de saúde por pessoas infectadas com o vírus, e pelo risco de disseminação da Covid entre a população.

De acordo com Tânia, atualmente a fila de pacientes aguardando para realizar cirurgias é composta não apenas por pessoas que esperam na rede municipal de Fortaleza, mas na rede estadual também. No ano de 2022, cerca de 31 mil cirurgias foram feitas por conta do Plantão 24h realizado pela Sesa, voltado para procedimentos eletivos.

A secretária da pasta afirmou que entre as estratégias para buscar reduzir a fila de pacientes, a articulação com outros hospitais para que participem e contribuam com mutirões de cirurgias é uma das ações feitas pela atual gestão. A médica destacou, inclusive, que a Sesa tem trabalhado com a política de incentivo hospitalar, realizando parcerias com hospitais filantrópicos e privados para atender a população do estado.

“Temos noção de quais hospitais vão contribuir com esse mutirão. Mas mesmo assim estamos conversando com mais diretores, para aumentar o máximo possível o número de unidades na Capital e no Interior”, afirmou.

Fonte: O Estado CE

0/Comentários

Anterior Próxima
Portal Aurora Notícias

Publicidade

Portal Aurora Notícias