Ex-companheiro que matou vendedora em ótica em Milagres vai ser ouvido em audiência nesta terça

Foto: Arquivo Pessoal

O acusado de matar a própria mulher, a vendedora Cícera Samires, dentro de uma ótica no Centro de Milagres, no interior do estado, vai passar pela primeira audiência de instrução - primeira fase do julgamento - na manhã desta terça-feira (10), diretamente do presídio onde está preso, em Juazeiro do Norte, de forma on-line. Além dele, também serão ouvidos os policiais que atenderam a ocorrência e a vítima que sobreviveu aos disparos, amiga de Cícera.

O feminicídio ocorreu na manhã do dia 10 de novembro do ano passado. Conforme a Polícia Militar do Ceará (PMCE), a vítima estava no trabalho, uma ótica no Centro de Milagres, quando Hélio Adelino da Silva chegou ao local em um carro, entrou na ótica e atirou contra ela. Cícera Samires ficou caída na parte interna da loja e uma ambulância do Samu foi acionada para socorrê-la. A mulher chegou a ser levada para uma unidade hospitalar, porém, não resistiu aos ferimentos.

Nove meses após o crime, Adelino segue preso em cumprimento a um mandado de prisão preventiva. Ele foi detido dois dias após o crime.

A amiga de Cícera, que também será ouvida na audiência, era também alvo do criminoso, que chegou a tentar matá-la, mas não conseguiu. Hélio Adelino está preso na cadeira pública de Juazeiro do Norte.

Fonte: G1 CE

0/Comentários

Anterior Próxima
Portal Aurora Notícias

Publicidade

Portal Aurora Notícias