Evento abre espaço para campanha pela Chapada do Araripe como Patrimônio da Humanidade da Unesco

 Evento abre espaço para campanha pela Chapada do Araripe como Patrimônio da Humanidade da UnescoUm reforço à importância do patrimônio paleontológico do Cariri, não somente para seus habitantes, mas também para todo o mundo, deverá ser mais um legado da 24ª Mostra Cariri de Culturas, uma realização do Sesc Ceará. Além de promover a difusão das tradições e das artes, o encontro vai dar vazão à campanha de reconhecimento da Chapada do Araripe como Patrimônio da Humanidade, iniciativa iniciada pelo Sesc em 2019.

Berço de diversas manifestações culturais do país, a região do Cariri transborda arte e memória, sendo um lugar onde a ancestralidade se expande e se conserva. Durante a programação da Mostra será realizada a 3ª edição do Seminário Patrimônio da Humanidade Chapada do Araripe, tendo como tema a Riqueza paleontológica da bacia geológica do Araripe. Os encontros acontecem nos dias 29 e 30 de agosto, no auditório do Geopark Araripe. Entre os participantes, estão os professores e pesquisadores Allysson Pinheiro, Edenilce Batista, Eduardo Guimarães e Patrício Melo.

De acordo com Alemberg Quindins, gerente de cultura do Sesc Ceará, a localização geográfica tem forte influência nesse contexto, já que o Cariri cearense está localizado no entorno da bacia sedimentar da Chapada do Araripe, congregando quatro estados da federação brasileira, Ceará, Pernambuco, Piauí e Paraíba.

“A Mostra Cariri de Culturas é a celebração cultural de um território geológico e seus valores científicos, saberes e fazeres artísticos, que comungam com os valores excepcionais universais da chancela de patrimônio da humanidade da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura). Hoje, a Chapada do Araripe já ganhou a chancela estadual de primeira Paisagem Cultural do estado do Ceará e será apresentada à lista brasileira do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) ”, ressalta Alemberg, sobre a importância do evento no apoio a essa campanha.

Exigido pela Unesco para a candidatura de Paisagem Cultural, um dossiê que mapeou os patrimônios culturais, históricos e naturais da região do Cariri foi formulado em uma iniciativa conjunta entre o Sistema Fecomércio, por meio do Serviço Social do Comércio do Ceará (Sesc-CE), Fundação Casa Grande, Secretaria de Cultura do Estado do Ceará (Secult), Universidade Regional do Cariri (Urca) e Instituto Cultural do Cariri (ICC).

0/Comentários

Anterior Próxima
Portal Aurora Notícias
Portal Aurora Notícias