Em Jucás, após descumprir decisão judicial e agredir ex-companheira, réu é condenado a mais de 23 anos de prisão


Foto: Reprodução

O Judiciário cearense prossegue realizando o julgamento de crimes que envolvem violência doméstica contra a mulher. Na última sexta-feira (16/09), o Tribunal do Júri da Comarca de Jucás condenou Onézio Monteiro Vieira a 23 anos e cinco meses de prisão, em regime fechado, por tentativa de feminicídio contra a ex-companheira. Ele invadiu a casa do namorado da ex-mulher e a esfaqueou sete vezes, além de lesionar o companheiro dela. Por conta da extrema violência, ela teve a perna amputada. O crime ocorreu em fevereiro de 2021.

Para a condenação, os jurados consideraram o feminicídio tentado, praticado por motivo torpe e por meio de recurso que dificultou a defesa da vítima. Além do crime tentado, o acusado também violou a medida protetiva de urgência, incidência da causa de aumento da pena. O réu ainda foi condenado por lesão corporal leve e violação de domicílio, praticado no período noturno e mediante emprego de violência.

“A culpabilidade exige maior reprovação, tendo em vista a intensa violência empregada na prática delitiva, tendo o réu desferido, no mínimo, sete golpes de faca peixeira contra a vítima, em diversas regiões. As circunstâncias em que o crime foi praticado, impõe valoração negativa, uma vez que fora perpetrado durante o repouso noturno e no interior da residência da própria vítima, local de repouso e de relativa sensação de segurança, o qual foi violado desmedidamente pelo réu”, explicou o juiz Paulo Lacerda de Oliveira Júnior, que presidiu a sessão de julgamento com duração de aproximadamente 13 horas.

O CRIME

De acordo com os autos, o crime ocorreu por volta das 23h, no Município de Jucás. Com emprego de violência, Onézio invadiu o domicílio das vítimas, descumprindo medida protetiva de urgência, concedida anteriormente em seu desfavor. Primeiro, deslocou-se à residência da ex-mulher, arrombou a porta, e, ao verificar que esta não se encontrava no local, apossou-se de uma faca e dirigiu-se até a casa do namorado da vítima. Ao entrar no local, o denunciado encontrou a ex e passou a desferir várias facadas, provocando lesões múltiplas em seu quadril, coxa, mão direita e braço esquerdo, conforme prontuário médico. Também entrou em luta corporal com o atual namorado da vítima, o lesando corporalmente. Os agredidos foram socorridos aos hospitais da região. Policiais militares foram acionados, conseguindo realizar a prisão flagrante do réu.

0/Comentários

Anterior Próxima
Portal Aurora Notícias
Portal Aurora Notícias