SITE-2-c-pia

Professores de 12 municípios do Cariri conseguem reajuste


Foto: PMB

Professores de 12 municípios caririenses obtiveram o reajuste salarial proposto pelo Ministério da Educação para a categoria em 2023. Barbalha foi a gestão que concedeu o maior percentual de aumento entre as prefeituras cearenses, na ordem de 16,1%. O sindicato de Barbalha, contudo, denuncia que o percentual foi dado apenas para 33 profissionais com ensino médio, deixando mais de 600 servidores com ensino superior sem aumento.

Em nota, a Secretaria Municipal de Educação informou que “os impactos financeiros do Município estão sendo estudados” para enviar um projeto de lei à Câmara, concedendo o reajuste. “O aumento beneficiará toda a classe do magistério a partir de agora”, diz a nota.

O novo piso salarial proposto pelo MEC é de 14,95%. No Cariri, sete prefeituras concederam reajuste de 15%: Abaiara, Assaré, Brejo Santo, Caririaçu, Granjeiro, Mauriti e Penaforte. Outras optaram pelo percentual proposto pelo Governo Federal: Araripe, Juazeiro do Norte, Missão Velha e Tarrafas. A definição da porcentagem a ser dada tem gerado impasses e até ameaças de greve, como já ocorre em Fortaleza.

O ministro da Educação, Camilo Santana (PT), prometeu intervir na relação entre prefeituras e professores ao propor a instalação de uma mesa de negociação entre as duas partes. Além disso, ele pretende discutir com Senado e Câmara dos Deputados “medidas de consenso para construir e definir um critério de reajuste que seja sustentável, que possa valorizar os professores, mas possa dar sustentabilidade para os municípios”, destacou o ministro.

Fonte: Jornal do Cariri

Google Plus

Henrique Macêdo

0 Comentários :

Postar um comentário