SITE-2-c-pia

Ex-presidente do TJ-CE, desembargadora Maria Nailde Pinheiro concorre a vaga no STJ


Foto: TJCE

A ex-presidente do Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE), desembargadora Maria Nailde Pinheiro, está entre os 57 desembargadores de todo o Brasil que disputam duas vagas de ministro no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

O maior número de inscritos para o certame vem do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR), com um total de 10 inscritos. Em segundo lugar está o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), com 8 inscritos. Os tribunais de Justiça da Bahia e Pernambuco ocupam a terceira posição, com 4 inscritos cada.

No Nordeste, o Ceará é o segundo estado com maior número de inscritos.

Perfil

Nascida no município de Aurora, na região do Cariri cearense, Maria Nailde Pinheiro é filha de João Pinheiro do Amaral e Josefa dos Santos. Graduada em Direito pela Universidade Federal do Ceará (UFC) em 1982, possui especialização em Direito Processual Civil, também pela UFC, e é autora do livro "O Direito Sucessório do Cônjuge e do Companheiro". Antes de ingressar na magistratura, trabalhou como escrevente no Cartório Miranda Bezerra. Em 1986, foi aprovada em concurso público e iniciou sua carreira como magistrada na Comarca de Marco, passando por Jucás e Icó. Também atuou nas Comarcas de Acaraú, Santana do Acaraú, Saboeiro e Orós.

Em 1992, foi promovida para atuar em Fortaleza, onde trabalhou na 11ª Vara Criminal, na 1ª Vara de Delitos de Tráfico e Uso de Substâncias Entorpecentes e na 20ª Vara de Família e Sucessões, posteriormente transformada na 4ª Vara de Sucessões.

Em 2009, por critério de merecimento, ascendeu ao cargo de desembargadora. No período de 2015 a 2017, ocupou a posição de vice-presidente e corregedora do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) e, de 2017 a 2019, foi presidente do TRE-CE. No biênio 2021/2023, exerceu a presidência do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE).

Google Plus

Henrique Macêdo

0 Comentários :

Postar um comentário